Nos chame
no WhatsApp
Notícias

Acidente fatal em Rondonópolis evidência alertas de Cláudio Ferreira sobre insegurança no trânsito

Deputado cobra ações efetivas da Prefeitura do município

Durante Audiência Pública realizada na última quinta-feira (9) em Rondonópolis, uma notícia chocou as pessoas que participavam do evento e demonstrou a gravidade da situação da mobilidade urbana no município. Enquanto o deputado estadual Cláudio Ferreira (PL) e a médica socorrista do SAMU, Luciana Horta, falavam sobre a falta de segurança no trânsito, um acidente com vítima fatal foi registrado.

A informação foi dada pela Dra. Luciana Horta, casada com um médico, também socorrista, que estava de plantão no momento da ocorrência. “Meu marido que está de plantão, me disse que acabou de acontecer um óbito na Avenida Rui Barbosa, um acidente de moto. A gente está debatendo um tema tão importante como esse e acabamos de ver que uma vítima foi ceifada”, disse.

No momento em que a notícia foi dada, a mesa de debates tratava sobre os altos custos gerados à saúde pública devido aos inúmeros acidentes de trânsito registrados em Rondonópolis. De acordo com a médica, a média diária do custo por paciente de acidente de trânsito é de R$ 1.200 a 1.500,00.

“Já aqueles pacientes que têm Trauma cranioencefálico (TCE), que ficam sequelados, o valor é muito maior porque aí o Estado terá que investir em home care. Esse tipo de gasto é somente o do SUS, fora os que a família do paciente costuma ter, inclusive quando a vítima é quem sustenta o orçamento da casa”, destacou Luciana Horta.

Durante as discussões o deputado Cláudio Ferreira cobrou maior fiscalização e atenção da Prefeitura de Rondonópolis para a mobilidade urbana da cidade, a fim de evitar e prevenir as dezenas de acidentes registrados diariamente. Além disso, o parlamentar também anunciou investimentos na saúde por parte de seu mandato.

“Apesar de neste ano ainda não ter o acesso às emendas parlamentares, conseguimos com o governador Mauro Mendes um crédito para destinar recursos para algumas áreas e eu me comprometi a investir os mais de R$ 3 milhões na saúde de Rondonópolis”, disse.

Cláudio Paisagista ainda destacou o trabalho feito na Santa Casa e no Hospital Regional do município, lembrando da importância de investir em políticas de prevenção, para assim não gerar ainda mais demandas às unidades de saúde que têm registrado alto índice de ocupação em seus leitos.

Compartilhar
Compartilhar
Compartilhar
Compartilhar